domingo, 3 de fevereiro de 2008

A nova casa de Daiana

Eu já comentei que tenho uma amiga italiana, a Daiana. Como sempre minhas amigas tem um parafuso a menos na caixola e Daiana não é diferente. No dia que voltei do Brasil ela veio correndo me ver e colocando as fofocas em dia veio a bomba, ela tinha que sair da casa que tinha acabado de alugar, 3 meses antes e foi um sufoco para conseguir esta casa aqui na minha região, porque a proprietária da casa começou a perturbar e proibiu a vinda da cachorra dela, o que gerou um desespero total na minha amiga.

Agora vem a parte do parafuso a menos, no dia que estávamos fazendo minha primeira, e única até este momento, aula de direção e um carro com dois senhores, de certa idade, esperavam pacientemente que eu conseguisse ligar e passar a marcha do carro, rindo muito da minha cara de desespero e de vergonha, e neste meio tempo Daiana perguntou se eles sabiam de uma casa para alugar, com uma cara de choro contou que o motivo principal da saída dela da casa era que a senhora não deixava ela trazer a Índia, a cachorra. Pronto, foi ai que ela conquistou um dos velhinhos, ele tem mais de 30 cachorros e é conhecido na região como o velhinho que pega os cachorros da rua e cria! O velhinho, que se chama Luigi, é uma figura fala sem parar e alto, quase gritando mesmo, com sotaque e gírias romanas da época da onça, euzinha quase não entendo o que o homem fala, imediatamente começou a sofrer com ela e disse que tinha uma casa fechada e que poderia alugar pra ela e o melhor pagando a metade do que pagava na casa velha. Felicidade, luz no fim do túnel e um dia mais que sortudo para Daina.

Depois do papo inicial fomos seguindo os velhinhos no carro, claro que não comigo na direção, e o caminho para chegar ate la é maravilhoso, passamos por campos verdes, por um lindo castelo medieval, que preciso conhecer pois fica a 9 km da minha casa e eu nem sabia que existia, e depois de um hipódromo, com cavalos lindos, chegamos, no total são 15 km da minha casa exatamente.

A primeira coisa que vi foram CACHORROS! São 30 cachorros divididos em tamanhos e raças e que latem em conjunto, mas para minha amiga era uma música linda, é doida mesmo! A casa tem dois quartos com um papel de parede com flores, cozinha com papel de parede de pinheiros, banheiro com um box quebrado, um jardim enormeeee, cheio de kakas dos 3 cachorros que moram ali, uma varandinha com um visual maravilhoso e vem toda mobiliada.
Na frente mora um dos senhores o Salvatore, com a familia: mulher, duas filhas, uns 10 cachorros e dois gatos, na outra casa mora o maluco beleza do Luigi com 8 cachorros dentro de casa e vinte no quintal, fora as galinhas, gansos, uma cabra pequenina e patos, um zoológico praticamente.

O Luigi não tinha mais alugado a casa porque uns Romenos, estes estrangeiros que saem do país deles e vem morar aqui na Itália e me olhava e dizia; vc é brasileira né? Mas o brasileiros são ótimos, meu cunhado casou com uma e ela é muito alegre! Obrigada, pensava mais também sou estrangeira ué, deixa isso pra la! Enfim, os Romenos, um casal, tinha alugado a casa e em 1 mes eram em vinte pessoas morando ali, com crianças e tudo e depois de 6 meses fugiram a noite roubando um monte de coisas e deixando uma divida de 800 euros, só de luz, pro Luigi pagar. E assim ele resolveu deixar a casa pros 3 cachorros morarem mesmo que assim não tinha mais dor de cabeça com estes estrangeiros.

Ok, não quero fazer um post enorme, conclusão: nos últimos 3 dias passamos o tempo fazendo a mudança e limpando a casa, rasgamos alguns papéis de parede, porque iremos pintar tudo, limpamos sala, banheiro, cozinha e um dos quartos, tudo com o Luigi falando, ou melhor gritando, sem parar, no final do dia eu não aguentava mais escutar a voz dele mas um velhinho sozinho, cheio de cachorros quando ve gente se empolga né? Quer falar tudo que pensa e ter um mínimo de resposta humana! Não a minha, pois não entendia muito bem o que ele falava e fazia de conta que não tinha prestado atenção na pergunta o que é melhor que dizer: eu não entendo nada o que vc fala! Fiz algumas fotos mais era tarde e ficou muito escura, quando eu for la faço a foto da casa, dos cachorros e da figura, Luigi, para vcs conhecerem.
Beijos e um ótimo domingo!

3 comentários:

May disse...

Hei, te achei, Gatta Gaia!

Posso te linkar para ficar mais fácil vir aqui te ler?
;-))
Beijocas.

P.S.: O pior é que eu curto Fábio Jr. de uns tempos para cá, kkkkkkkkkkkkk, adolescência tardia, é nisso que dá, hehhee..

Beijos.

Flavia Leite disse...

Que bom que vc deixou um recadinho, adoro o seu blog cheio de vida e desabafos! Espero que venha sempre visitar o meu espaço também...
Beijos

Mariana disse...

Oi!
Eu nao gosto muito dos cachorros; nao sei que houvesse feito nesse caso.
Em meus apartamentos mobiliados Buenos Aires nao se permitiam animais.