segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Meu domingo foi assim



No fim tu hás de ver que as coisas mais leves são as únicas
que o vento não conseguiu levar:
um estribilho antigo
um carinho no momento preciso
o folhear de um livro de poemas
o cheiro que tinha um dia o próprio vento...

Mário Quintana

5 comentários:

Carolina Arêas disse...

Flavia, querida,

estas fotos e este poema do Quintana elevaram minha alma.

Carolina Arêas disse...

E que todo domingo seu seja assim tão leve.

Seminha disse...

Teu blog é sempre assim, leve e delicado como teu coração. Um beijo grande minha linda, que Jesus abençõe teu final de semana e te traga mais luz ainda que tu já tens!!!

Leo disse...

Bucóóólica!
E ai, primitcha? Já que pelo orkut vc não responde, vim dar uma moral aqui no blog pra ver se arrumo duas migalhas de atenção! =p

Luciana Mendonça disse...

Ai que lindo... saudades e feliz Dia das crianças!!